Header Ads

Últimas Notícias

Morena ganha fama após encontro com General Mourão e foto viralizar

General Mourão é paparicado por Carola Cimini: “Não teve nada demais. Ele foi muito respeitoso” Foto: reprodução/instagram
Um inocente aviãozinho. Uma colherada de sorvete dada na boca de quem futuramente seria o vice-presidente do Brasil. Por uma morena de fazer tremer a nova república. E o flagra do paparico. Uma foto do General Hamilton Mourão, vice-presidente eleito na chapa de Jair Bolsonaro, acabou chamando atenção dos internautas após ser publicada em um perfil no Instagram.


Carola Cimini é a morena em questão. Aos 27 anos, a maquiadora e futura piloto de aviões particulares aproveitou um encontro político para se aproximar do General Mourão, em Londrina, no Paraná. “Eu estava no lançamento de campanha do Paulinho Vilella a deputado quando vi o General tomando um sorvete e decidi dar a ele. Foi uma brincadeira mesmo, não imaginei que pudesse haver repercussão”, conta Carola, que, nos cliques, aparece abraçada ao general, ostentando um belo decote.
Carola Cimini, a morena que paparicou o General Mourão Foto: reprodução/instagram
Ela conta que da noite para o dia viu a foto em alguns sites e ficou surpresa. “Não esperava essa repercussão”, garante: “Era para o Jair Bolsonaro ter vindo para esse encontro, mas ele levou a facada. Se fosse ele, também faria o mesmo”.
Carola chegou a postar na legenda das fotos com Mourão que o próximo agraciado com sorvete na boca seria o presidente eleito. “Tive a oportunidade de brincar com o vice-presidente da República, general Mourão, uma simpatia de homem. O próximo sorvete é na boca do Bolsonaro”, escreveu ela, sendo repreendida por alguns seguidores. “Não faça isso com Jair não senão Michelle vai ficar louca”, disse um amigo, referindo-se a Michelle Bolsonaro, a futura primeira-dama.
Carola Cimini, a morena que paparicou o General Mourão Foto: reprodução/instagram
“Gosto de homens mais velhos”
A paranaense garante que o contato com o general, no dia 12 de setembro, foi por acaso e trivial. “Sou solteira, mas não teve nada demais. Ele foi muito respeitoso”, afirma Carola, que sequer trocou número de telefone com o vice-presidente eleito.
Carola Cimini tem 27 anos Foto: reprodução/ instagram
A fama repentina, no entanto, já chegou deixando Carola chateada. “Recebi muito carinho, mas muitas mulheres me detonaram. Fico impressionada com a falta de união entre nós”, choraminga.
Carola é mãe de uma menina de 8 anos, fruto de seu primeiro casamento, e enveredou pelo mundo da política este ano, a convite de um amigo deputado. Passou a frequentar comícios e fez campanha para Bolsonaro: “Acredito muito nele, que vai por a casa em ordem”. Sobre um romance com o general, Carola desconversa: “Não teve nada mesmo, mas gosto de homens mais velhos”.
Carola Cimini, a morena que paparicou o General Mourão Foto: reprodução/instagram
Carola já foi presa a pedido de Moro
Ela já foi detida pela Polícia Federal do Paraná, na Operação Denarius, a pedido do juiz Sérgio Moro, futuro ministro da Justiça.
Em entrevista ao jornal Extra, Carola contou que tinha união estável no ano de 2014 com Edvaldo Muniz da Silva, o Toni Boiada, acusado de tráfico internacional de drogas.


“Eu estava dormindo quando os policiais federais chegaram ao meu apartamento. Bateram várias vezes na porta e, quando abri, foram entrando com um mandado de busca e apreensão. Eu não entendi nada. Um delegado mandou eu arrumar uma mala com roupas confortáveis e ir com ele para a sede da PF Eu realmente não estava entendendo nada”, contou Carola.
Segundo ela, a polícia não encontrou envolvimento dela com o tráfico de drogas e ela foi solta dez dias depois.

Carol Marques / Jornal O Extra