Header Ads

Últimas Notícias

Escola acumula sujeira de pombos e pais temem por saúde de alunos em Pirassununga: 'é um caos'

Alunos reclamam de sujeira no pátio da Emef Prof Iran Rodrigue — Fotos: Reprodução/Pirassununga ON
Na hora do intervalo, o pátio com fezes de pombos não é uma opção para os alunos da Emef Prof Iran Rodrigues, localizada no bairro Vila Santa Fé em Pirassununga. Com o acúmulo de fezes de pombos, eles reclamam que não têm onde se sentar e caminhar. “Não temos outras alternativas", afirma a mãe de uma aluna.


A infestação das aves, que atraem doenças perigosas ao ser humano, virou motivo de preocupação para os pais dos jovens, que pedem providências por parte da Secretária 
Municipal de Educação . Mariane Carneiro disse, que não aguenta mais ver seu filho de 9 anos,  e os outros alunos expostos ao perigo de contraírem uma doença na escola em que estudam.
Alunos não podem utilizar pátio por conta da sujeira — Fotos: Reprodução/Pirassununga ON
"Eu me sinto colocando meu filho num lixo. Tenho que levantar meu vestido para passar. É um caos. Eu sinto até vergonha de conversar sobre isso. Porque, bem ou mal, é uma escola pública. Dinheiro é nosso, a gente não está vendo retorno algum", afirma uma mãe que não quis se identificar.
Alunos não podem utilizar pátio por conta da sujeira — Fotos: Reprodução/Pirassununga ON
“A escola está tomada por pombos que defecam na porta das salas impedindo as crianças de sair da sala pra ir ao banheiro ou até mesmo beber água com receio de acabarem sendo atingidos por cocôs deles e sabemos bem que tipos de doenças podem ser transmitidas pelas fezes destes animais. Foi feito vários pedidos para que a prefeitura resolvesse  a essa questão,  uma vez que isso põe em risco a saúde das crianças. Mas nada foi feito! 
Alunos não podem utilizar pátio por conta da sujeira — Fotos: Reprodução/Pirassununga ON
Até já fizemos pedidos aos vereadores tentando assim ajuda para sanar o problema, mas também sem êxito, estamos desesperados, não sabemos mais a quem recorrer, por isso, até, tentei, por meio de desabafo nas redes sociais, e chamar a atenção das autoridades e da população, para que finalmente possamos deixar nossos filhos com tranquilidade na escola, sabendo que eles não estão mais sujeitos a pegar uma doença grave, por conta deste problema”, contou uma mãe.

'Muito sujo'


A presença em massa de pombos no local e as fezes deixadas pelas aves deixam os pais preocupados com a saúde dos filhos na escola municipal.




Adaptado a viver nas cidades, em diferentes tipos de estruturas prediais, e difícil de ser caçado por outros animais, o pombo, apesar de simpático no convívio com humanos, representa um risco de contaminação para doenças como a salmonelose e a meningite, segundo o Ministério da Saúde.

Tentamos contato com a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Educação, mas não obtivemos êxito.

( Copyright © 2019, Toni Oliveira - Pirassununga ON. Todos os direitos reservados )

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Pirassununga On no WhaTsApp (19) 9 8294-5155