Header Ads

Últimas Notícias

Preço de ouro: Feijão-carioca já é vendido a mais de R$10 em Pirassununga

O preço do feijão não para de subir. O quilo do grão, tradicional na mesa do brasileiro, já ultrapassa os R$ 10 em alguns estabelecimentos de Pirassununga.
Preço do feijão sobe 40% em fevereiro e quilo passa dos R$ 10 em Apucarana Foto: Toni Oliveira / Pirassununga ON
Depois de muitos meses custando entre R$ 3 e R$ 4 o quilo, o feijão carioca mais que dobrou de preço e é encontrado por até R$ 11,00 nas prateleiras dos supermercados de Pirassununga. O motivo da alta, dizem os distribuidores, é que muitos produtores optaram por outros grãos, como a soja, já que o feijão, ao longo do ano passado, estava com o preço em baixa.


O reajuste de cerca de 40% está pesando no bolso e muita gente tem deixado esse importante item de lado na hora das compras. Porém, é possível e até indicado variar a leguminosa que se coloca à mesa.

Lavouras
O encarecimento do feijão se deve principalmente à quebra da safra nas regiões produtoras, sobretudo pela seca registrada no segundo semestre do ano passado. A escassez do produto também foi ocasionada por uma redução na área de cultivo. Com a soja valorizada na época do plantio, muitos produtores migraram para esta cultura, vários inclusive da região do Vale do Ivaí.

Em novembro, antes que a situação das lavouras se refletisse nos preços, a média nacional da saca de 60 quilos do grão era de R$ 97. Esta é uma média nacional, mas nas regiões mais próximas, como no interior de São Paulo, o valor chegava a R$ 390. Este é o maior preço em 28 meses. Em outubro de 2016, a média nacional da saca chegou a R$ 280. Os preços devem se manter neste patamar até a próxima safra, que acontece nos meses de maio a junho.


Sem substituição 
Embora o preço do feijão esteja mais alto, muita gente não abre mão, combinando-o com o arroz e outros pratos da culinária brasileira, em especial o paulista. Quem come frango com quiabo, sem feijão? E quase sempre as famílias o consomem no almoço e na janta.



( Copyright © 2019, Toni Oliveira - Pirassununga ON. Todos os direitos reservados )


Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Pirassununga On no WhaTsApp (19) 9 8294-5155