Header Ads

Últimas Notícias

Medida provisória proíbe desconto automático de contribuição sindical

Antes da MP, a contribuição era descontada diretamente da folha salarial, no mês de março de cada ano. - Foto: Divulgação
Medida provisória publicada em edição extra do Diário Oficial da União deixa claro que a contribuição sindical só poderá ser cobrada com autorização dos trabalhadores. O texto determina que a permissão deverá ser individual, expressa e por escrito.

Com a medida, fica proibido o desconto diretamente dos salários pelas empresas. A partir de agora, a taxa será paga por boleto, enviado aos trabalhadores somente com autorização prévia.

A reforma trabalhista, aprovada em 2017, acabou com a contribuição sindical obrigatória. No entanto, ainda há casos de descontos em contracheques de trabalhadores. Segundo o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, a medida pretende também impedir que sindicatos entrem na justiça para driblar a legislação.

A medida provisória já está em vigor e tem força de lei. Para não perder a validade, ela precisa ser aprovada pelo Congresso Nacional em 120 dias. 


Veja também: Grávida de três meses é arrastada pelos cabelos e agredida pelo irmão em Pirassununga

Veja também: Após flagrar marido com outra na cama, mulher é agredida em Pirassununga


( Copyright © 2019, Toni Oliveira - Pirassununga ON. Todos os direitos reservados )


Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Pirassununga On no WhaTsApp (19) 9 8294-5155