Header Ads

Últimas Notícias

Cantor português Roberto Leal morre aos 67 anos em SP

Imagem: Bruno Poletti/Folhapress
Morreu neste domingo (15), em São Paulo, o cantor português Roberto Leal, aos 67 anos. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do Hospital Samaritano, onde o cantor estava internado. Ele ficou conhecido pela música Bate o Pé.
Segundo a assessoria de imprensa do cantor, Leal estava internado no hospital desde terça-feira (10), após ter uma reação alérgica a um medicamento que tomou. O cantor vinha há dois anos tratando um câncer de pele. Ainda segundo a assessoria, nos últimos dias ele teve complicações em decorrência de uma insuficiência renal. "Um melanoma maligno evoluiu, atingindo o fígado, causando síndrome de Insuficiência hepato-renal", destaca a nota. 
Casado há 45 anos com Marcia Lucia, Roberto Leal é pai de três filhos nascidos no Brasil, e tem dois netos.
O velório será nesta segunda-feira (16), das 7h às 14h, aberto ao público, na Casa de Portugal, em São Paulo.  enterro será realizado às 15h no Cemitério de Congonhas.
Doença
Em entrevista recente ao programa Aqui na Band, o cantor falou sobre a doença, e também sobre a morte. "Passei um perrengue danado", disse ele. O câncer atingiu as pernas, a coluna e os olhos de Roberto, que precisou passar por uma cirurgia. 

"Quando eu fui fazer a operação da coluna, a dor era tão grande, que ela tomou conta do meu corpo e eu não fazia movimento nenhum". Pouco antes de começar a operação, ele perdeu a consciência. "Naquela hora, eu fui procurar com toda minha força para dizer: Deus, a partir de agora eu me entrego em suas mãos, porque eu já não tenho mais forças. Agora é contigo", contou o artista, que já tinha perdido a visão de um olho.
O cantor também falou sobre a morte. "Quando você está à beira de partir desse mundo, você quer ficar mais um pouquinho, pra ver crescer seus netos, para ver a vitória dos seus filhos, deixar sua companheira em paz, pedir perdão e desculpas por maltratos que eu não sabia, e agora eu sei que machuca".

Carreira
Em 45 anos de carreira, vendeu mais de 17 milhões de discos e gravou mais de 400 músicas. Entre elas, também estão faixas como Bate o Pé e A Festa Ainda Pode Ser Bonita.
Nascido em Macedo de Cavaleiros, no norte de Portugal, o cantor se mudou para o Brasil aos 11 anos, com os pais e nove irmãos. Em São Paulo, trabalhou como sapateiro e vendedor em uma feira.

Em 1978, protagonizou o filme “O Milagre – O Poder da Fé”, inspirado em sua própria história.
No final dos anos 80, voltou a morar em Portugal para se dedicar ao mercado musical europeu. Nesse período, comandou um programa na TV do país.
Retornou ao Brasil em 1998 e, dois anos depois, lançou o disco "Roberto Leal canta Roberto Carlos". Seguiu produzindo discos e coletâneas. O último, “Arrebenta a Festa”, saiu em 2016.