Shutterstock®
Se no começo do ano normalmente o dinheiro fica curto para honrar compromissos como IPVA, IPTU e material escolar, o consumidor deve colocar mais um item na lista que vai impactar no orçamento familiar. O pão nosso de cada dia, o famoso pão francês, deve ter alta no preço a partir de janeiro. 


É isso que projeta a Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães e Bolos Industrializados (Abimapi). No começo do mês a entidade divulgou uma nota alertando que a alta do dólar vai impactar no preço dos alimentos derivados do trigo.

Segundo a Associação Brasileira de Trigo (Abitrigo), o País importou da Argentina até o mês de novembro 4,8 milhões de toneladas do grão. Isso acontece porque o Brasil produz menos da metade do trigo que consome. 


Em setembro e outubro houve aumento no preço médio do produto devido à alta do dólar. A Abitrigo aponta ainda que houve reajuste de 0,57% no preço do pão francês de outubro para novembro no País. Já a farinha de trigo teve maior alta em outubro, de 2,92.Por Toni Oliveira @jornalistatonioliveira ) É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo.